periodo e duração


Outubro 2020

cliente


Projeto próprio em parceria com a Korui

abrangência e localização


Território Indígena do Xingu

equipe


Mariana Madureira (Raízes)

Luísa Cardoso (Korui)

Watatakalu Yawalapiti (Mobilização local)

No ano de 2020, o Projeto Dona do Meu Fluxo, iniciativa da Raízes Desenvolvimento Sustentável em parceria com a Korui, completou 4 anos de existência!

Em suas edições anteriores o projeto doou coletores e levou informações sobre temas como direitos da mulher, sexualidade, Sagrado Feminino e sororidade, para o Vale do Jequitinhonha (MG) e, por dois anos, para comunidades ribeirinhas da Amazônia paraense.

Em sua 4ª edição, o Dona do Meu Fluxo chegou no território do Xingu! As edições previstas aconteceriam presencialmente no Amapá e na região do Médio Juruá no Amazonas e contariam mais uma vez com as equipes da Raízes DS e da Korui, com volunturistas, como ocorreu na edição 2019 e, além disso, teríamos a participação super ilustre da parceira do projeto Bela Gil.

Por conta das restrições de circulação devido à pandemia do Coronavírus, os planos iniciais foram adaptados e optamos por realizar o projeto de forma mais segura com centenas de mulheres do território Xingu, tendo como aliadas a tecnologia e a mobilização local, os workshops foram realizados por videoconferência.

Em parceria com a Watatakalu Yawalapiti, Coordenadora da ATIX MULHER e membro do Movimento Mulheres do Xingu, os “copinhos” começaram a chegar no território no final de outubro e foram doados para diferentes etnias dentro do território do Xingu. Segundo Watatakalu:

“A reação foi maravilhosa! É claro, teve alguns comentários assim, das mais velhas falando: ‘nossa, o que que é isso?’ É porque a gente palestrou pra homens também num primeiro momento. Eu palestrei para homens e todos eles ficaram de cabeça baixa. E eu contando, fiz eles pegarem no coletor. Mas foi uma repercussão muito linda, porque eles trouxeram essa questão, eles ajudaram a explicar [para as mulheres] porque o coletor é melhor: por causa do lixo; que é mais prático…”

E não foi só isso, além da edição virtual, em 2020 o Dona do Meu Fluxo lançou seu site! Por lá você encontra mais informações, vídeos e novidades sobre o Projeto.

Principais resultados


Distribuição de coletores para mulheres indígenas do Território Xingu

Número de beneficiário


Centenas de mulheres impactadas positivamente.

Etapas relacionadas

  • null

    Articular

  • null

    Inspirar

  • null

    Realizar

Vídeos